Spatz3 - Balão Intragástrico Ajustável

De acordo com estudo, barulho em casa pode favorecer ganho de peso

Voiced by Amazon Polly

Você já sentiu estar fazendo tudo certo na busca pela perda de peso, sem obter os resultados esperados? Saiba que o que pode estar atrapalhando o seu emagrecimento, é o alto ruído em sua residência! Isso mesmo! O barulho pode afetar diretamente sua jornada de perda de peso!

Um estudo recente da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, acompanhou o comportamento de 60 famílias, durante uma refeição. Metade das famílias se alimentou ouvindo ruídos do aspirador de pó, entre uma garfada e outra. O que se observou é que o grupo exposto ao barulho contínuo consumiu mais porcarias durante as refeições, o que prejudica a perda de peso. Segundo a psicóloga Barbara Fiese, responsável pelo estudo, isso acontece devido ao fato do grupo estar mais distraído e não prestar atenção no alimento.

A explicação é que a exposição contínua aos ruídos, mesmo que imperceptivelmente, além de distrair também eleva os níveis de estresse. O estresse acaba interferindo no equilíbrio hormonal. O organismo, ao interpretar o barulho como uma ameaça, libera cortisol e adrenalina, como forma de defesa. A liberação desses hormônios aumenta a frequência cardíaca e a pressão arterial. Isso faz com que o corpo consuma calorias, sem que haja necessidade, ou seja, atrapalha ainda mais a perda de peso. A consequência é que o cérebro manda sinais de que a reserva de energia necessita ser reabastecida. Assim, a tendência é que se coma mais, mesmo sem precisar. Como normalmente os ambientes em que vivemos são barulhentos, o cérebro já prevê que haverá um gasto das reservas de energia. Assim, o organismo começa a se preparar, acumulando as calorias para serem usadas posteriormente. Com isso, se torna mais difícil perder peso.

As distrações ocasionadas no momento da refeição fazem com que se preste menos atenção naquilo que está sendo feito. Por exemplo: as crianças das famílias que foram submetidas ao barulho durante a refeição receberam menos atenção dos pais.  Por conta disso, a qualidade da alimentação foi afetada e possivelmente no longo prazo poderá acarretar em ganho de peso. Outro fator importante, segundo Barbara, é que a interação entre as famílias, quando há distrações no momento das refeições, é reduzida. Justamente esse momento familiar, segundo Barbara, está associado a uma alimentação saudável. A sugestão da psicóloga é que as principais refeições sejam realizadas em um ambiente tranquilo para que todos possam conversar. Além de melhorar o relacionamento familiar, essa atitude evitará um possível aumento de peso proveniente de distrações à mesa.

Comer mais em razão de distrações à mesa faz com que as pessoas tenham mais dificuldade em perder peso. Isso ocorre porque o cérebro não consegue assimilar corretamente os sinais que o corpo envia de que já está satisfeito.

Se você tem rotina agitada e barulhenta, como a maioria das pessoas, o ideal é que ao menos, durante as refeições, procure ambientes mais silenciosos e tranquilos. Alimentar-se com tranquilidade fará com que você esteja ciente do que está comendo e perceba os sinais do seu corpo. Além dos problemas já citados, é bem provável que a mastigação não esteja ocorrendo corretamente. E esse é outro fator prejudicial para perda de peso.

Avatar

Equipe Spatz

coronavirus-e-obesidade

Add comment

Arquivos

Olá! Clique para iniciar o seu atendimento com nossa equipe.

Fale conosco no WhatsApp